Internet das Coisas (IoT): sua empresa está preparada?
 

Internet das Coisas (IoT): sua empresa está preparada?

Entenda o conceito de Internet das Coisas (IoT) e como essa novidade tecnológica está moldando o dia a dia das pequenas e médias empresas!

 

Você já ouviu falar em Internet das Coisas (IoT)? Quase todo mundo pode dizer que sim. É uma tendência que vem mudando os métodos para grandes empresas interagirem com o mercado. Na verdade, toda grande empresa já começou a investir em soluções relacionadas à Internet das Coisas.

Espera-se que essa novidade seja a fonte de novos negócios, melhor relacionamento com clientes e maior eficiência nos processos. Mas será que essas soluções só servem para empresas grandes ou que têm muito capital para investir?

A Internet das Coisas é basicamente a ligação entre o mundo offline com a internet através de dispositivos e sensores. O próprio consumidor já vive num mundo dominado por essa tendência. Isso quer dizer que nenhuma empresa, não importa o tamanho, deve ignorá-la.

IoT não é mais só uma moda ou algo para empresas que já dominam o mercado. É uma necessidade para qualquer empresa que mira o crescimento na Transformação Digital e a melhor experiência para os clientes.

Por que a Internet das Coisas é tão importante?

Desde seu surgimento, a internet e a tecnologia vêm revolucionando o mercado com novos produtos. A Internet das Coisas tem um potencial ainda maior para realizar mudanças, trazendo novos estilos de negócio.

Ela envolve o uso de sensores, aparelhos, máquinas, dispositivos, dados, internet e sistemas de maneira integrada. Suas soluções ajudam empresas a melhorarem seus tipos de automação, dispensando ainda mais mão de obra humana. Talvez você perceba isso com mais clareza no uso de sensores.

Já é possível usar sensores para monitorar a produção, identificar problemas, gargalos e possibilidades de melhoria. Os dados colhidos por essas ferramentas podem ser analisados em tempo real, contanto que existam softwares adequados, proporcionando uma melhor visão da empresa.

De maneira geral, o uso das soluções de IoT proporciona automação, diminuição de custos, maior eficiência de processos e melhor gerenciamento de riscos. Mas isso tudo são soluções que costumam ser aplicadas para empresas maiores, que podem investir na análise de grandes quantidades de dados. Chegou a hora de aprender como isso funcionaria para a sua empresa.

Usando IoT em pequenos e médios negócios

Pesquisas indicam que a maior parte das soluções em IoT não pertencem a ou são vendidas por pequenas ou médias empresas. Empresas de menores portes têm dificuldades para investir um alto valor em uma solução que pode trazer retorno a médio ou longo prazo. Mas lembre-se: seus benefícios vão muito além dos custos.

Principais benefícios

Quer saber se as vendas do seu produto podem crescer neste ano? Uma boa análise de dados pode mostrar isso. Quer descobrir uma maneira de impactar mais seu cliente porque suas comunicações atuais vêm perdendo eficiência? O uso de IoT pode ser a solução. Veja, agora, outros benefícios!

  • Uma PME consegue rivalizar a experiência do cliente com seus concorrentes maiores usando IoT. Os dados gerados ajudam a determinar comportamentos dos consumidores e a identificar as melhores abordagens. Seu uso também acelera processos que talvez sejam realizados manualmente na empresa.
  • As operações se tornam mais eficientes por meio da automação, que pode ser integrada a outras plataformas de monitoramento, melhorando a qualidade.
  • A segurança também obtém ganhos. Não entenda segurança somente como aquela relacionada ao ambiente de trabalho. Adotar estratégias que incluem monitoramento digital e proteção de dados é a melhor maneira de garantir presença no meio digital sem colocar o cliente em risco.
  • A força de trabalho ganha mobilidade. Hoje em dia, a tendência de trabalho home office vem crescendo. A dificuldade que muitos encontram é aliar essa novidade a uma conexão constante com o ambiente de trabalho. Parece difícil estar longe de bancos de dados importantes, colegas e ferramentas da empresa. Mas tudo isso pode mudar com a possibilidade de integrar o ambiente de trabalho e deixando todos conectados.
  • O uso de IoT pode dar suporte às decisões mais importantes. Todos os processos das ferramentas de Inteligência das Coisas envolvem coleta de dados. Eles serão vitais para a adoção de novas estratégias e novos negócios. Ajudam também a determinar padrões de comportamento do cliente e fazer previsões.

Conclusão

A Internet das Coisas, aos poucos, está deixando de ser uma tendência e se tornando exigência do mercado. Estima-se que um total de 23,3 bilhões de dispositivos usando IoT estejam presentes em todos os setores até 2019.

O consumidor está de olho nessas novidades e seus concorrentes também. Será que chegou a hora de pensar em novas soluções que possam amplificar as forças que já existem no seu negócio e ajudar a conquistar mais mercado?

Gostou de saber mais sobre a IoT nesta leitura? Navegue na página da Lenovo para PMEs e leia outros artigos sobre inovação e tecnologia!