Saiba mais sobre Fábricas Inteligentes na era da Indústria 4.0
 

Saiba mais sobre Fábricas Inteligentes na era da Indústria 4.0

Fornecer um ambiente inteligente para que as operações sejam realizadas com eficiência e agilidade é um dos requisitos para se tornar um Fábrica Inteligente e se destacar na indústria 4.0. Quer saber mais? Leia o artigo completo.

Diariamente, fábricas procuram formas de inovar e aumentar a produção. Com a transformação digital, surgiu a Indústria 4.0, conhecida por otimizar os processos que aconteciam na quarta revolução industrial.

Robotização, máquinas independentes, softwares e inteligência artificial são o futuro acontecendo exatamente agora. Esses fatores são os fundamentos da Indústria 4.0 ou “fábricas inteligentes”.

O que são e como as fábricas inteligentes estão quebrando barreiras e aumentando a produtividade dos negócios? Saiba agora.

O que são Fábricas Inteligentes na Indústria 4.0?

São indústrias que possuem o objetivo final da digitalização na manufatura. Em outras palavras, são aquelas que possuem tecnologias disruptivas para manter conectados todos os processos produtivos.

Cada vez mais, o mercado exige que as fábricas se tornem responsivas, flexíveis e conectadas, impulsionando o movimento em direção para um perfil inovador.

As Fábricas Inteligentes utilizam Inteligência Artificial (IA), análises de grandes volumes de dados com Big Data Analytics, computação em nuvem (Cloud Computing) e IIoT (Industrial Internet of Things) na busca por evoluir o segmento.

Mas, quais os benefícios que uma fábrica conquista ao tornar seu processo mais inteligente? Vamos falar sobre isso agora!

Quais Vantagens de Fábricas Inteligentes?

Uma pesquisa realizada pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) mostrou que o uso de tecnologias industriais pode significar uma economia de R$73 bilhões por ano no Brasil. E os números tendem a crescer!

Com o entendimento do hacking na cadeia de suprimentos, por exemplo, a empresa entende todas as atividades que existem, desde a compra com os fornecedores até a entrega do produto final, e tem a capacidade de implementar tecnologias que podem ajudar na transformação digital em cada uma delas.

A redução de custos ocorre em diversas áreas na indústria 4.0. Conheça algumas:

  • Aumento dos lucros com tomadas de decisão baseadas em dados e maior assertividade nos negócios;
  • Lotes maiores, com possibilidade de personalização de produtos;
  • Segurança (tanto física quanto de dados);
  • Redução de tarefas repetitivas;
  • Automatização de processos.

Sabe-se que, dentro de uma fábrica, cada segundo conta. Dessa forma, o nível de produção pode aumentar significativamente com as tecnologias certas, melhorando o lucro  e reduzindo os índices de erros.

Inovação

A 4ª revolução industrial é marcada pela utilização de sistemas ciberfísicos (gerações de sistemas que contam com integração entre processos reais e realidades virtuais) em fábricas inteligentes, com inovações tecnológicas que melhoram os processos de produção.

Assim como os escritórios precisaram encontrar novas formas de se organizarem, as fábricas inteligentes também estão adotando a inovação para inserir práticas mais modernas e aumentar a eficiência.

Fluxos digitais geram uma rede de informações, interligando pessoas a dados e aplicativos e permitindo tomadas de decisões fundamentadas em tempo real ou de maneira remota. Hoje, é comum encontrar fábricas onde os produtos e as máquinas se comunicam mutuamente. Dessa forma, falhas são detectadas de forma muito mais rápida, mostrando a necessidade de manutenções ou reparos ágeis.

Pessoas no Centro da Produção

Mesmo com as máquinas inteligentes na Indústria 4.0, o trabalho em linhas de produção ficará cada vez mais humanizado. Com as mudanças, muitas tarefas manuais simples tendem a desaparecer,dando espaço para um perfil de colaboradores mais estratégicos e produtivos.

Com uma rotina mais leve, os funcionários podem focar em outras atividades e só agem caso apareça algum problema. A demanda cria espaço para outras habilidades, onde a mão de obra com potencial de adaptação e flexibilidade possui maior valor para os empregadores do setor industrial.

Novos empregos deverão surgir com a inovação na indústria e, com eles, a necessidade de mão de obra mais qualificada. O uso de tecnologias também irá facilitar a rotina dos funcionários, como o uso de workstations, que são máquinas com capacidade de processamento muito superior aos computadores comuns. 

É importante contar com pessoas no centro da produção e desenvolver habilidades que integrem a inteligência humana com tecnologias de ponta, dessa forma, é possível dominar a Indústria 4.0 e se preparar para as próximas revoluções.

Como tornar sua fábrica mais inteligente?

Agora que você conheceu as vantagens de processos industriais inteligentes, saiba como começar a movimentação para inovação na indústria 4.0. Considerando o estágio das fábricas inteligentes no Brasil, ainda é possível sair na frente e conquistar um lugar de destaque no segmento industrial.

Para sua fábrica operar de maneira otimizada é importante desenhar uma estratégia rumo à digitalização e à inovação. O primeiro passo é ter um planejamento bem definido, quais são seus objetivos a curto, médio e longo prazo? Quais avanços são mais importantes para começar agora e quais podem ser feitos gradativamente?

Assim que tiver as principais mudanças necessárias estabelecidas, crie um projeto baseado em prazos, metas e com táticas bem definidas de ações. 

Utilize os dados gerados a seu favor. Uma indústria operando com sistemas inteligentes obtém resultados muito mais positivos ao longo do tempo. 

Criar uma fábrica inteligente demanda energia, disposição, tempo e investimentos financeiros, mas é uma decisão que evita ficar obsoleto e perder participação no mercado. 

É importante começar já! A Lenovo tem equipamentos mais inteligentes para aumentar a produtividade e a eficiência dos seus processos de fabricação e distribuição. Clique aqui e saiba mais sobre equipamentos para a nova era na indústria 4.0.